By: Pecsa On: maio 31, 2017 In: Institucional, Na mídia Comments: 0

A Pecsa- Pecuária Sustentável da Amazônia é apoiadora da 1ª Tecnoalta, onde as perspectivas do agronegócio brasileiro serão debatidas com a presença ex-ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento Roberto Rodrigues, no dia 2 de junho.

Para Vando Telles Oliveira, diretor executivo da Pecsa, a realização da 1ª Tecnoalta, dentro da Expoalta, dá um passo à frente por promover a aproximação de mais conhecimento ao produtor rural. “O evento traz mais orientações aos produtores, com palestrantes de qualidade. Poderemos colocar em prática toda informação e conhecimento disponível para alcançar uma pecuária melhor na nossa região” destaca.

A Tecnoalta acontece em paralelo à 31ª Exposição Agropecuária de Alta Floresta – Expoalta, de 1º a 4 de junho. Segundo o Sindicato Rural de Alta Floresta, o evento tem por objetivo promover estimular o desenvolvimento do pensamento crítico dos produtores na agropecuária, promovendo a criação de hábitos proativos no setor rural, além de fomentar novos negócios para os participantes que estão inseridos no segmento.

Com a participação de empresários, produtores, estudantes e demais profissionais do setor agropecuário, o evento tem em sua programação oito palestras que apresentaram variadas perspectivas do setor.

 

Confira a Programação:

Dia 01/06/2017 quinta-feira

8h Abertura oficial

8h30 Tema: Logística reversa de embalagens vazias de defensivos agrícolas e explicação sobre os procedimentos da Associação das Revendas de Agrotóxicos de Alta Floresta (ARAFLOR), com Mario Fujii, engenheiro agrônomo, formado pela Fundação Faculdade de Agronomia Luiz Meneghel, MBA pela Fundação Getúlio Vargas em Gestão do Meio Ambiente e Sustentabilidade, professor de pós graduação no curso Proteção de Plantas da Universidade Federal de Viçosa, especialista pela Fundação Dom Cabral e Fundação Getúlio Vargas (SP e RJ), gerente de logística do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV/SP).

9h30 Tema: “Silagem, procedimento do corte até a produção” será ministrada pelo produtor rural Nivaldo Michetti e convidado.

Dia 02/06/2017 sexta-feira

8h30 – Tema: Por uma pecuária mais rentável com Alexandre Foroni, zootecnista pela FZEA – USP de Pirassununga desde 2003, sócio diretor da Método Consultoria desde 2003 e consultor no estado de RO, AC e MT.

9h30 – Tema: Perspectiva do agronegócio brasileiro com Roberto Rodrigues, agricultor, engenheiro agrônomo, coordenador do Centro de Agronegócio da FGV, ex-presidente da Academia Nacional de Agricultura (SNA) e Presidente do Conselho da UNICA, professor de Economia Rural da UNESP/Jaboticabal/SP, presidente do Conselho Superior do Agronegócio da FIESP (COSAG), da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), da Sociedade Rural Brasileira (SRB), da Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG) e da Aliança Mundial de Cooperativas (ACI), foi secretário de Agricultura de São Paulo (1993/1994) e ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (2003/2006).

11h – Tema: Critérios para observar ao adquirir um touro melhorador com Leonardo Souza, médico veterinário, especialista em Melhoramento Genético, sócio-diretor do Nelore Qualitas.

Dia 03/06/2017 sábado

8h30 – Tema: Mecanização agrícola, planejar para maximizar lucros com Rodrigo Sinaidi Zandonadi, engenheiro Agrícola e Ambiental, graduação pela UFV, mestre e doutorado pela Universidade de Kentucky (USA) em engenharia de Byosistemas e professor do Instituto de Ciências Agrárias e Ambientais (ICAA) UFMT Campus de Sinop.

9h30 – Tema: Perspectivas para o agronegócio: Tendências políticas e econômicas no Brasil e no mundo com Miguel Daoud, graduado na Escola Superior de Administração de Negócios pela Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), apresentador do Canal Rural, analista financeiro e comentarista participante de programas da Rede Globo, Globo News, Cultura, Bandeirantes, Band News e nas Rádios Jovem Pan e Capital.

10h30 – Tema: Integração lavoura e pecuária com Flávio Wruck, graduado em Agronomia pela Universidade Federal de Viçosa (1993) e mestre em Fitotecnia (Produção Vegetal) pela Universidade Federal de Viçosa (1997), atualmente é pesquisador da Embrapa Arroz e Feijão, locado na Embrapa Agrossilvipastoril em Sinop (MT), atua na pesquisa e na transferência de tecnologias das seguintes áreas: i) manejo fitotécnico das culturas do feijoeiro-comum e do arroz de terras altas, e; ii) Sistemas de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF).

11h30 – Tema: Em busca da eficiência na pecuária de corte com Fabio Dias, zootecnista, mestre em produção animal pela UFMG e diretor de relacionamento com pecuaristas da JBS.

 

Dia 04/06/2017 domingo

9h – Premiação do torneio 20º Balde de Ouro.

13h Leilão do Produtor Rural Casari e Rabecini.